terça-feira, fevereiro 01, 2005

Este lugar recôndito onde se alojam murmurios
de naufragadas memórias
paulatinamente endurecidas pelo vento que as constroi.

Sobre a areia o tempo poisa
Demansinho...

Vento...

Preludios de dias passados
resquicios de sonhos inacabados

Sonhar
Sentir....

Os sentidos...

ampulhetas de sons e cheiros em inconstante cadência...
melodias inebriantes que te circundam
palavras que vêm brincar na noite

Silêncio....
(Os teus olhos...)
Noite...
(os teus lábios...)

Tu! simplesmente...

O sentir...

Simplesmente...

Amar!




@Alexandra - aka - Madrinha má da Cacau

(eheheheh....toma lá minha querida!)

3 comentários:

sotavento disse...

Madrinha má com sorte!... :)

Cacau disse...

È uma madinha sortuda sim e que escreve lindamente :)

souuma disse...

Belos sentidos/sentires...