segunda-feira, julho 02, 2007

II

A minha patroa tem ar de leoa faminta mas por vezes faz um ar que quase dá para acreditar que é filha de Deus. Quem acreditar nisso está simplesmente enterrado para a eternidade, a mulher sabe bem como utilizar os seus dons, nem posso dizer que seja o dom da sedução, é mais uma forma de fazer as coisas quase pela calada que a leva a chegar aos destinos mais rápidos. Sabe-la toda, mas eu também sei. Detesto manhãs, detesto os sorrisos de algumas pessoas logo ao entrar na empresa, então se vierem com muita vontade para conversa, nem vale a pena se aproximarem de mim, que levam com o meu ar de Diva que faz de conta que é arrogante que até estremecem. Detesto aproximações matinais mas quem sabe ser original merece um desconto. E a patroa merecê-lo.
Estou eu sentada, na minha cadeira monstruosa de cabedal preto o que é muito chique mas no verão irrita-me a pele, com uma saia tão apertada que nem sei muito bem como me sentei, quando me batem à porta. Concerteza que aqui a Diva não se iria disfarçar de menina estagiária e levantar-se para atender. Portanto não gostando eu de disfarces, digo que podem entrar. Uma mulher deslumbrante, em que toda ela quase que é decote. Uma mulher de ar misterioso mas que se nota que é uma boa fodilhona. Gosto deste tipo de mulheres, não dão quase confiança alguma para te aproximares, mas se souberes dizer as palavras adequadas e fazeres um sorriso que lhe chegue ao sexo, um encontro escaldante está garantido. Continuando, ela entra apanhando-me desprevenida, nestas situações entre leoa versus leoa aquela que está sentada está sempre em desvantagem. A leoa patroa dá lá pela desvantagem, e aproxima-se de mim.
- Bom dia, devia saber que é proibido nesta empresa, usar saias tão curtas e tão justas.
- E é proibido porquê Sra. Directora?
- Porque aqui prima-se pela concentração dos trabalhadores e não por métodos de distracção.(eu levanto-me e posiciono-me bem à sua frente)
- E diga-me, que parte do seu corpo, é que está mais distraído neste momento?
- Talvez seja melhor, a menina averiguar por si própria, e depois entregar-me um relatório.
- E essa averiguação é para agora?
- Agora mesmo, aqui nesta empresa, gostamos de pontualidade e dedicação.
A conversa entre duas leoas, é assim, cheia de enigmas e provocações sempre muito bem disfarçadas. Senão como seria falar em público? Leoa que é leoa prima pela discrição, ainda mais se é lésbica ou das que papam tudo.
Voltando à averiguação.
Na linguagem de leoas o “para agora” quer dizer na linguagem dos Homens(ui este H maiúsculo dá-me vontade de rir), que tem de ser em jeito de rapidinha. Assim nestes casos é sempre bom ter um encosto. Pressiono-lhe o corpo na secretária, enquanto envolvo as minhas mãos no seu corpo, beijo-lhe a sua boca alagada em desejo, contendo em mim a vontade que tenho em lhe rasgar as roupas. Desço com a minha língua até às suas mamas, mordo-lhe quase que levemente os mamilos, e oiço uma voz a dizer-me para ir directa ao som. Só esta expressão “directa ao assunto” deixa-me com uma vontade insana de lhe esventrar o sexo. Viro-a levantando a sua saia para cima, as cuecas não me controlo e arranco, como resposta a este movimento brusco, recebo um gemido bem tesudo, preparo terreno com uma rápida mas eficiente massagem clitoriana e entro dentro dela com os meus dedos, sinto-lhe o desejo a abrir caminho, sinto-a a escorrer de tesão. Pressinto que ela tem vontade de gritar, e ponho-lhe a mão na boca, nunca parando de a comer. Passados breves instantes, o seu corpo todo estremece, e o seu cu para de se roçar no meu sexo. Presenteou os meus dedos com um orgasmo de leoa.
Voltou-se para mim, satisfeita com a averiguação pontual, pegou nos meus dedos e lambeu-os com os seus olhos concentrados nos meus, tentando captar em mim algum sinal de fraqueza, não o conseguiu. No jogo do fodilhanço não existe partes fracas, existe apenas aquelas que dão a conhecer o seu prazer e aquelas que sabem disfarçar muito bem. Eu sou uma das últimas. Ela faz uma expressão de quem está desiludida e eu dou-lhe um beijo que se ela estivesse atenta poderia transmitir o quanto estou excitada. Enquanto acaba de se arranjar, diz que quer o relatório para logo à noite, que passa na minha casa, para o ir buscar. Eu faço sinal que sim com a cabeça e volto a sentar-me na minha cadeira.Gosto do andar de uma mulher que acaba de ser fodida. Gosto da leveza dos passos e da satisfação do corpo.

5 comentários:

chavela disse...

:)...finalmente...
chavela.

Berta Cem Mil disse...

hum... esta patroa estava a pedi-las... ai, estava, estava!!!

GNM disse...

És linda!

Beijos...

Lilith disse...

Ummmmmmmmm não é a minha patroa mas a minha prof. também a comi assim.... ehehehehehe

Cama disse...

WOW. Like that... A Lot. Parece cena de filme. É lindo quando esse tipo de cenas acontece. ;)

Vanda.