segunda-feira, abril 06, 2009

Ficas aqui?
Fico. É a minha estação.

Costumas apanhar este comboio?
Depende das horas a que acordo.

Ah gostas de dormir..!
Não. Gosto de simplesmente não acordar.

Pareces-me ser alguém especial.
Eu? Nasci de rabo para o mundo. Só se for por isso.

A sério. Amanhã aparece à mesma hora.
Porquê?

Seria giro. Falávamos mais um pouco.
Porquê?

Queres sempre saber a razão de tudo?
Sim. Sempre.

Amanhã apareces?
Depende?

De quê?
Das horas a que acordar.

E não podes acordar mais cedo, por mim?
Porque haveria? Quem és tu?

Não sejas assim. Acho-te piada.
Mas eu não tenho piada. Tenho desprezo pela vida.

Ahh que exagero!
Exagero? Achas-me exagerada?

Não, não nada disso. Não te chateies.
Pareço-te chateada?

És mesmo complicada.
Achas?

Já viste a confusão que aqui vai?
Parece-te confuso. Eu pareço-te confusa?

Ah não digas isso. A sério. Amanhã aparece.
Não sei. Eu sou complicada. Entendes?

Ok…
Fica bem ou não. Ou como preferires ficar.

Ah… pois. Talvez. bem, toma um café pode fazer-te bem.
Café. Bem. ok. Vai lá à tua vida. Não há cu que aguente.

????

2 comentários:

AlmaAzul disse...

Quase que diagnostico mau feitio.

Um mau feito lindo.

Mas eu, eu não disse nada! :P



***azuis

Narcisa disse...

Ora, é lindo lindo. :)

O diagnóstico é o mais acertado :P

;)

Beijinho