sábado, abril 02, 2005

Tenho por baixo da pele
o resto das viagens que fiz

E trouxe o mundo em sinais
num colar prostrado
em meu pescoço

4 comentários:

c.b. disse...

aqui está este teu amigo desaparecido dos comentários à tua poesia... mas tenho vindo e lido e se não comento é porque fico sem grandes palavras. és daquelas pessoas que mais gosto de ler...

continua, a sentir
beijos

sotavento disse...

E brilho no olhar... :)

Vera Cymbron disse...

E qualquer coisa de maravilhoso que só apenas a ausência de palavras faz antever...
Jinhos

Anónimo disse...

Como sempre muito bem.
As viagens deram-te uma maturidade e sensibilidade invulgar... Continua assim.
Isabel